Falta de libido: quais as causas e tratamentos para homens e mulheres?

baixa libido em homem e mulher

A falta de libido é um problema recorrente nos consultórios médicos e psicológicos.

Essa condição é muito mais comum entre as mulheres, mas também tem atingido homens de diferentes faixas etárias.

A libido — que é o impulso ou energia sexual de uma pessoa — pode cair por diversos motivos. E nós vamos abordar os principais neste texto.

Além disso, mostraremos os caminhos para um tratamento saudável e adequado. Acompanhe a leitura até o final para saber mais!

O que é a falta de libido?

O que é a Falta de Libido?

Também chamado de Transtorno do Desejo Sexual Hipoativo, esse quadro se caracteriza principalmente pelo desinteresse em atividades sexuais.

A baixa libido, portanto, não significa que o indivíduo tenha vontade de praticar o sexo e não consiga. O que é o caso em distúrbios como disfunção erétil e vulvodínia.

Para constatar a falta de libido, é preciso que o quadro seja recorrente — já que ficar algumas semanas sem pensar ou procurar sexo pode ser algo comum para muitos.

Sendo assim, a falta ou baixa libido deve perdurar alguns meses com um ou mais dos sintomas a seguir:

Com a ajuda do médico e do sexólogo, é possível constatar o problema e começar a buscar suas origens e formas de tratamento.

Quais podem ser as causas da falta de libido?

Quais as causas da falta de libido?

Como muitos dos distúrbios sexuais, as causas podem ser tanto físicas, psicológicas ou — como em muitos casos — uma combinação das duas.

Isso também é verdade para a falta de libido, tanto em homem como em mulheres.

É importante notar que, quase sempre, não existe apenas um fator que esteja causando a baixa libido

Além disso, pode acontecer de um distúrbio originar outro, como, por exemplo, uma falta de libido causada por vaginismo.

Para facilitar o entendimento das causas, vamos separá-las entre mulheres e homens.

Principais causas da falta de libido feminina

  • Problemas conjugais com o parceiro(a);
  • Estresse com atividades do dia a dia;
  • Disfunções hormonais;
  • Pós-parto;
  • Depressão e ansiedade;
  • Uso de medicamentos hormonais, antidepressivos, anti-hipertensivos, calmantes, anticoncepcionais, entre outros.

Principais causas da falta de libido masculina

  • Idade e alterações hormonais;
  • Estresse;
  • Doença renal crônica;
  • Monotonia no relacionamento;
  • Depressão e ansiedade;
  • Uso de medicamentos.

Obviamente, a maioria das potenciais causas são parecidas, variando apenas no grau de incidência entre homens e mulheres.

Todavia, é muito importante o trabalho investigativo para descobrir o que está causando e potencializando a falta de libido.

Esse trabalho é feito pelo médico e também pelo sexólogo. Uma bateria de exames pode fazer parte do processo, a fim de verificar o estado de saúde e níveis hormonais do paciente.

Como é feito o tratamento para a falta de libido?

Como é feito o tratamento para a falta de libido?

Depois da descoberta das causas, chega o momento de iniciar o tratamento — que geralmente é multidisciplinar.

Abaixo vamos listar as principais técnicas, procedimentos e etapas que podem fazer parte do tratamento da falta de libido.

Interações medicamentosas

Caso seja necessário, o médico prescreverá medicamentos que podem ajuda no combate à baixa de libido.

Em um caso oposto, pode ser recomendada a substituição ou retirada de um certo remédio que o paciente faz uso. Desde que seja constato que tal medicação está contribuindo para o quadro.

Tratamentos hormonais também podem fazer parte do processo, caso sua necessidade seja comprovada.

Estilo de vida saudável

Como os baixos níveis de desejo estão relacionados à saúde do indivíduo, o seu estilo de vida vai influenciar diretamente no prognóstico.

Portanto, é recomendado a prática de exercícios físicos regularmente — no mínimo 150 minutos por semana de acordo com Organização Mundial da Saúde (OMS).

A alimentação também deve ser balanceada, com nutrientes integrais, verduras e legumes.

Sessões de terapia

Muitos casos de queda de libido tem pano de fundo emocional e psicológico.

Assim, o foco central do tratamento deve ser na terapia com um psicólogo especializado em sexologia.

Nas sessões, o paciente ou a paciente terão a oportunidade expressar suas dificuldades, medos, angústias e história de vida.

Traumas relacionados a sexo, questões religiosas e ansiedades sexuais são alguns dos empecilhos que podem atrapalhar a líbido de homens e mulheres.

Além de ouvir, analisar e ajudar o paciente e entender o que está acontecendo com ele, o sexólogo vai sugerir técnicas e práticas focadas em auxiliar no processo de cura.

Terapia de casal

A falta de desejo sexual pode estar diretamente conectada ao relacionamento atual dos envolvidos.

Mesmo que o quadro não afete os dois, é preciso um trabalho conjunto para alcançar uma resolução.

Assim, sessões de terapia de casal ajudam a melhorar a situação do relacionamento e a tratar problemas de libido.

Como encontrar tratamento para falta de libido em Belo Horizonte?

Caso você esteja em Belo Horizonte e região, nos colocamos à disposição para te atender.

A Sexestima é uma clínica especializada em sexologia e terapia de casal.

Temos profissionais competentes, capacitados e com muita experiência na área.

Entre em contato e marque sua primeira visita. Envie-nos um e-mail, mensagem via WhatsApp ou contato telefônico.

 

Ultimas do blog

Gostaria de mais informações?