Sexestima - Sexologia e Terapia de Casal e Sexual

Pílula anticoncepcional e a autonomia sexual feminina

Pílula anticoncepcional

Pílula anticoncepcional e a autonomia sexual feminina

A história da pílula anticoncepcional está completando 60 anos! Um medicamento tão importante para a revolução da sexualidade e autonomia feminina, antes relacionada à reprodução e maternidade, sem o direito da liberdade de escolha. Veio ao encontro das reivindicações feministas por liberdade sexual, produzindo novas invenções e experimentações do ser feminino.⠀

A invenção da pílula anticoncepcional trouxe diversas conquistas para as mulheres, especialmente para a autonomia sexual.

A partir dela, vimos ocorrer um maior controle sobre a natalidade, a dissociação entre sexo e reprodução, simbolizando a libertação da ameaça de gravidez indesejada, com possibilidade de escolha de quando ter um filho ou não. ⠀

Através disso, as mulheres conseguiram um maior poder sobre seu próprio corpo, vontades e escolhas, provocando uma grande alteração na cultura que permeava suas vidas sexuais. As modificações passam desde a esfera da sexualidade e até a família, responsáveis pelo livre acesso ao prazer sexual e a maior atuação no mercado de trabalho.⠀

Mas é preciso refletir sobre! O planejamento e a responsabilidade familiar é fortemente ligado apenas à mulher. Embora tenha antes libertado, de certa forma hoje aprisiona. Após esses 60 anos, apesar de outros métodos contraceptivos terem surgido e evoluído, ainda não existe uma medicação semelhante para os homens e está longe de chegar.

A contemporaneidade vive a emergência de novas formas de emancipação do corpo feminino e da equiparação das decisões! ⠀

Referência: Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde – Fiocruz.

terapia sexual
Sexestima - Clínica de Sexologia e Terapia de Casal

Sexestima - Clínica de Sexologia e Terapia de Casal

A Sexestima é uma clínica de atendimentos psicológicos em sexologia e terapia de casal. Na Sexestima você irá desenvolver novas habilidades para alcançar seus objetivos no relacionamento conjugal e sexual.

Ultimas do blog