Masturbação: existe frequência “ideal ou normal”?

masturbação: qual a frequência normal

Qual é a frequência “normal” da masturbação?

A masturbação é uma atividade sexual natural que a maioria das pessoas faz em algum momento de suas vidas. Pode reduzir a tensão e proporcionar alguma liberação sexual. Também pode ajudar as pessoas a se familiarizarem mais com seus corpos e descobrirem seus gostos e desgostos sexuais.

Algumas pessoas se masturbam mais do que outras. Não existe uma frequência “normal”. Alguns fazem isso diariamente, alguns semanalmente e alguns raramente. Alguns nunca o fazem. Mas se uma pessoa se masturba tanto que afeta a vida diária, isso é motivo de preocupação.

A Pesquisa Nacional de Saúde e Comportamento Sexual, conduzida pelo Instituto Kinsey da Universidade de Indiana, nos dá algumas pistas sobre a frequência com que as pessoas se masturbam. Em 2010, o instituto publicou os resultados de sua pesquisa sobre comportamentos sexuais nos Estados Unidos. Os 5.865 entrevistados, com idades entre 14 e 94 anos, responderam a perguntas sobre se masturbavam e com que frequência.

De acordo com o estudo, entrevistados de todas as idades se masturbavam. Para adolescentes e pessoas com 70 anos ou mais, a masturbação foi mais comum do que o sexo com o parceiro.

Qual é a frequência “normal” da masturbação?

Quanto à frequência, cerca de um quarto dos homens entre 18 e 59 anos se masturbava algumas vezes por mês a semanalmente. Aproximadamente 20% se masturbavam 2 a 3 vezes por semana. Menos de 20% se masturbavam mais de 4 vezes por semana. Os homens mais velhos eram mais propensos a não relatar nenhuma masturbação durante o ano anterior.

A maioria das mulheres se masturbava uma vez por semana ou menos.

Razões para a masturbação e satisfação com a vida sexual atual podem desempenhar um papel na frequência.

Em março de 2017, o Archives of Sexual Behavior publicou um estudo envolvendo mais de 15.000 homens e mulheres entre 18 e 60 anos.

Os pesquisadores descobriram algumas diferenças para homens e mulheres quando consideraram o conteúdo sexual dos participantes. As mulheres se masturbavam mais quando faziam sexo com frequência e estavam felizes com a vida sexual, “complementando” o sexo que faziam atualmente.

Em contraste, os homens se masturbavam mais quando faziam menos sexo e estavam menos satisfeitos com suas vidas sexuais em geral. Dessa forma, eles “compensavam” o sexo que estavam faltando.

Uma pessoa deve se preocupar em se masturbar demais? A resposta depende da pessoa. Masturbar-se mais de quatro vezes por semana não é necessariamente um problema. Mas quando a atividade se torna compulsiva; interfere no trabalho, na vida social e nos relacionamentos; ou irrita os genitais, é hora de falar com um profissional de saúde ou consultar um terapeuta sexual.

Texto traduzido do site https://www.issm.info/sexual-health-qa/what-is-the-normal-frequency-of-masturbation

Ultimas do blog

Gostaria de mais informações?