O que excita mulheres e homens?

Estímulos podem ter pesos diferentes entre um gênero e outro? Pesquisas tentam decifrar quais são as variáveis mais importantes para o estímulo sexual. E uma busca rápida na internet sobre o tema já nos traz uma infinidade de dicas e “postulados” (muitas vezes sem fundamento) sobre as diferenças entre eles e elas no que se refere à excitação sexual.

É muito comum nos depararmos com matérias que afirmam que homens são mais visuais e “imediatistas”, enquanto as mulheres consideram uma gama maior de estímulos, que envolvem toda uma ambientação sinestésica de sons, conversas, toques e carícias… até que estejam efetivamente envolvidas e dispostas ao sexo.

Na verdade, existe muito mito em torno daquilo que seria interessante e suficiente para despertar o desejo sexual de acordo com o gênero. Apesar de haver estudos que realmente indicam como determinados estímulos podem ser mais eficazes, não seria correto generalizar.

mulheres que se excitam mais rapidamente, mesmo por estímulos visuais, enquanto há homens que não se excitam em situações em que o consenso popular julga efetivo para o estímulo masculino.

Se na Grécia antiga já valia o “conhece-te a ti mesmo”, no que se refere a sexualidade, isso também é fundamental. Independentemente do que se diz por aí sobre o que é melhor para os homens e o que é melhor para as mulheres, o mais importante é que cada pessoa se conheça, saiba o que lhe dá mais prazer e excitação e consiga demonstrar isso para seu o parceiro ou parceira.

 

Texto de responsabilidade de Rodrigo Torres – Psicólogo e Sexólogo CRP 04/26857

Ultimas do blog

Gostaria de mais informações?