Sexestima - Sexologia e Terapia de Casal e Sexual

Os papéis de cada um na relação

As relações entre as pessoas estão evoluindo e com os casais não é diferente.

À medida que o tempo passa as relações amadurecem e os papéis de cada um vão se transformando.

Os homens têm adquirido habilidades antes não exploradas e as mulheres vêm tomando para si um espaço que sempre foi seu. A liberdade (ainda que tardia), a autonomia (ainda que tolhida) e o mundo (ainda que resista).

Fato é que no casamento essa nova dinâmica familiar tem confundido as pessoas e causado discórdia e prazer ao mesmo tempo. Homens aprendendo a cuidar dos filhos, da casa, aprendendo à não serem apenas provedores e patrões de suas mulheres e ao mesmo tempo mulheres que ainda não sabem delegar tarefas aos parceiros e que cobram posturas diferentes do outro sem antes mudarem as suas.

Com as discussões sobre gênero, temos visto que meninos não necessariamente precisam gostar de azul e brincar de carrinho, espada ou futebol e que meninas que gostam dessas coisas não deixam de serem meninas. E com os adultos não é diferente. Homens podem se sentirem melhores trabalhando em casa e cuidado da logística familiar enquanto as mulheres saem para o mercado de trabalho e não têm tantas responsabilidades com os afazeres domésticos.

A confusão é tão grande que os mais velhos acham que isso é exploração do trabalho masculino, vejam só!

O machismo ainda está presente no nosso cotidiano e a ruptura com essa cultura enraizada em nossa sociedade só acontecerá quando a discussão se aprofundar e evoluirmos; isso está acontecendo de maneira muito sutil e lenta, mas nos dá uma enorme esperança de uma humanidade mais justa e sensível.

Quando trabalhamos essas questões no consultório, sugerimos que homens pensem que vivem sós e que, se vivessem assim, teriam que dar conta de todos esses afazeres sem dependerem de nenhuma mulher. Também tentamos educar as mulheres para que consigam confiar na capacidade do homem de cuidar dos filhos, manter a casa limpa e organizar a rotina doméstica.

Sugerimos enxergar os pequenos traços do machismos que muitas vezes são sutis e velados (confundidos com mimimi) e identificar porque repetimos comportamentos com os quais discordamos, pelo menos no discurso.

Um relacionamento é como um time, quando um sobe para o ataque para tentar fazer o gol, é preciso que o outro esteja na defesa preparado para o contra-ataque da equipe adversária. E não importa quem sobe ou quem fica, pois tem homem que defende melhor que ataca e tem mulher que sabe fazer gols como ninguém!

 

terapia sexual
Sexestima - Clínica de Sexologia e Terapia de Casal

Sexestima - Clínica de Sexologia e Terapia de Casal

A Sexestima é uma clínica de atendimentos psicológicos em sexologia e terapia de casal. Na Sexestima você irá desenvolver novas habilidades para alcançar seus objetivos no relacionamento conjugal e sexual.

Ultimas do blog