Outubro Rosa e Novembro Azul – Prevenção

outubronovembrosexPrevenção. Apesar de ser uma palavra muito conhecida, nem sempre é aceita e acatada pela maioria. É comum, por exemplo, algumas pessoas usarem a “falta de tempo” como justificativa para a não realização de exames periódicos. Outros preferem simplesmente ignorar informações básicas de como se prevenir. Mas, no fim das contas, tudo se resume em negligência.

lacorosaCiente disso, a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) apoiam duas campanhas mundiais na luta contra o câncer: o OUTUBRO ROSA, que é uma ação de conscientização das mulheres sobre o câncer de mama, e o NOVEMBRO AZUL, uma campanha que luta pela prevenção contra o câncer de próstata. 

O câncer de mama é a doença que mais acomete as mulheres entre todos os outros tipos. E o mais chocante, muitas delas morrem por falta de um diagnóstico precoce, do autoexame e até mesmo da falta de informação. Em geral, a doença começa a se manifestar com a presença de um nódulo único, não doloroso e endurecido na mama. Outros sintomas, porém, podem ser considerados, como a deformidade e/ou aumento da mama, retração da pele ou do mamilo e dores.

No caso dos homens, o exame de toque retal, essencial para se prevenir contra o câncer de próstata, ainda é um tabu. Assim como laconovembroas mulheres, a falta de informação sobre o exame também é grande, mas o preconceito ainda é o maior entrave. Embora vários médicos garantam que o exame é simples, rápido e indolor, a maioria dos homens acredita que, além de desconfortável, o exame pode ser capaz de afetar a sua masculinidade e opta por procurar um médico quando a doença já está em estágio avançado. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de próstata é mais incidente que o câncer de mama.

A pergunta é: será que vale a pena ser vítima do câncer (qualquer que seja) por descuido ou descaso? Como profissionais da saúde que trabalham com sexualidade e com o aparato urogenital, nos sentimos na obrigação de apoiar essas campanhas e divulgar em nossos meios de comunicação. Levantamos sim a bandeira em prol da vida e da saúde para que nossos leitores nunca se esqueçam que a prevenção sempre será o melhor caminho.

Texto escrito por: Rodrigo Torres – Psicólogo e Sexólogo

Revisão: Aline Suárez

Ultimas do blog

Gostaria de mais informações?